Billie Joe Armstrong,

CRÍTICA [MÚSICA] : Álbum ¡UNO! de Green Day.

17:51 Andreas César 0 Comments


Bom, esta resenha será a primeira das três que farei para a trilogia de álbuns da banda Green Day. A mesma contém os álbuns ¡UNO!, ¡DOS! e ¡TRÉ!. Se você curte Green Day, espero que goste. Nas resenhas falarei um pouco sobre todas as músicas e darei uma nota de 0 a 5.

P.S.: As música que eu marcar de vermelho são as que eu acho que devem ser escutadas.  

1.Nuclear Family.

Não gostei tanto assim do efeito da voz de Billie. Não posso dizer o mesmo da guitarra, já que gostei (menos do solo, poderia ter sido melhor), o solo do baixo é bem legal. A letra é bem razoável, nem muito, nem pouco. Porém, a forma a qual eles usaram para terminar a música (mesmo que já tenha sido feita) é bem maneira.

Nota: 3/5.

2. Stay The Night.

Início muito ruim, achei meio estranho e começou com a pancada num momento ruim. Novamente não gostei do efeito da voz. Pelo menos gostei bastante da bateria, Tré faz as variações em momentos perfeitos.
Pelo que estou vendo percebo que as letras do American Idiot são muito superiores. Não posso reclamar do solo dessa, mesmo que seja longo demais para a música. Muito inferior ao que a banda já fez, realmente gostei apenas da bateria e do baixo.

Nota: 2/5.

3.Carpe Diem.

Gostei do início, mas não do efeito da voz nas partes em que só ouço ela. Gostei da letra (ainda sem comparação a Letterbomb), do refrão, e pelo jeito da música. Não tenho muito a reclamar da música, gostei do solo, da bateria e do baixo de Mike.

Nota: 3/5.

4. Let Yourself Go.

Aí está, uma música que posso dizer que pelo Green Day foi feita. Finalmente gostei do efeito da voz. Música realmente muito boa, consegue ser comparada a qualquer uma do American ou do 21st. Bateria incrivelmente incrível, back vocal bem trabalhado, guitarra bem pós-punk, uma letra interessante e um baixo que nem preciso descrever. 

Nota: 4,5/5.

5. Kill the DJ.

Essa música fará com que o Green Day entre nos bailes e etc.. Sério,essa música me lembra de Black Eyed Peas, acho que o Green Day nunca fez uma música tão miserável como essa. Agora falando a respeito da música, vocal muito ruim, guitarra ridícula, não gostei do baixo, nem da bateria (algo que me impressionou foi não gostar dela). Sério, eles precisam voltar a fazer mais músicas como Brain Stew/ Jaded e parar de compôr letras ruins como essa. Nem vou falar do jeito que começa.

Nota: 0,5/5.

6. Fell For You.

Gostei do início, efeito na voz nem tão ruim. Letra romântica não é meu tipo; entretanto, tirando a letra, gostei bastante do refrão. Não reclamo da guitarra pois não achei o solo tão ruim, bateria muito boa, o baixo é bem legal.

Nota: 2,5/5.

7. Loss of Control.

Música, guitarra, baixo, vocal e a bateria são muito bons. A letra é a melhor do disco, assim como a música, e se você perceber ele fala sobre um tal de Whatshisface, que é com certeza uma lembrança a música Whatsername. Na verdade, acho que essa música entraria facilmente no American Idiot. Perfeita.

Nota: 5/5.

8. Troublemaker.

Achei que viria algo como Peacemaker (que é muito boa), no entanto me enganei. Não é tão ruim, nem tão boa, acho que está no meio dos dois. Guitarra irritante em minha opinião, a bateria não me agradou muito, o baixo também não. Eu gostei dos back vocals. A letra de Peacemaker é muito melhor, além de não ter achado essa tão ruim.

Nota: 2,5/5.

9. Angel Blue.

Gostei do início, a guitarra da música é bem interessante. Não digo o mesmo da voz. Letra bem doida, mas legal. Realmente gostei. O backing vocal se encaixa perfeitamente na música. O solo é interessante, e não posso reclamar de nenhum instrumento.

Nota: 4/5.

10. Sweet 16.

Gostei muito da guitarra e também do vocal. A letra é bem aceitável, gostei bastante do ritmo dessa música. O refrão é legalzinho. Gostei dos efeitos usados nessa música. Seu único problema é que é muito repetitivo. Nada reclamarei do solo dessa, acho bem comum.

Nota: 3,5/5.

11. Rusty James.

Legal a introdução, principalmente a bateria. A voz está bem legal, a guitarra também, o ritmo é legal e bem agitado. Os riffs da guitarra são muito bem feitos, acho essa música boa. A letra é muito boa. O melhor solo     de guitarra do álbum vai para o dessa música. Realmente gostei bastante.

Nota: 4/5.

12. Oh Love.

Sério, isso não pode ser da mesma banda que fez American Idiot, Insomniac, 21st Century Breakdown, nem mesmo de Dookie. Essa música não é ruim, não achei ruim (tirando o início, que é um saco), apenas achei que não é do estilo do Green Day.

Nota: 2,5/5.

Avaliação: Bom


Aí está, o álbum merece, na minha opinião, não merece ser escutado se você comparar com outros da banda. Entretanto, se você já conferiu o trabalho anterior e gostou, ouça esse, não irá te matar.

0 comentários: