Críticas Recentes
Destaques

NOTÍCIAS RECENTES

OSCAR 2020 | Confira os filmes vencedores da maior premiação do cinema!

Na noite de 09 para 10/02/2020, deu-se a cerimônia que premiou os filmes vencedores dos Academy Awards, prêmio mais conhecido no Brasil como Oscar, que é oferecido aos melhores do cinema pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood.


A 92ª cerimônia do Oscar teve algumas poucas surpresas. A maior delas com certeza foi o incensado "Parasita" vencer nas categorias de Melhor Filme Internacional (antes conhecido como Melhor Filme Estrangeiro) e na categoria principal de Melhor Filme - além de ganhar os prêmios de Melhor Diretor para Bong Joon Ho e Melhor Roteiro Original. Já "Coringa" levou apenas dois prêmios de suas 11 indicações: Melhor Ator para Joaquin Phoenix e Melhor Trilha Sonora Original para Hildur Guðnadóttir (primeira vez que uma mulher ganha esta premiação). Laura Dern e Brad Pitt finalmente ganham um Oscar, ambos como Coadjuvantes, respectivamente por seus papéis em "História de Um Casamento" e "Era Uma Vez... Em Hollywood". E, sim, "O Irlandês", dirigido por Martin Scorsese, não ganhou nenhum prêmio, mostrando que o filme perdeu força desde seu lançamento na plataforma de streaming Netflix (e em alguns poucos cinemas selecionados), após os discursos inflamados de Scorsese sobre o que é cinema (ou não) nos dias de hoje. De resto, o mesmo de sempre: discursos empoderados, números musicais questionáveis e nenhuma grande surpresa em relação às premiações anteriores...

Confira abaixo os indicados à premiação:

MELHOR FILME
  • Ford vs Ferrari
  • O Irlandês
  • JoJo Rabbit
  • Coringa
  • Adoráveis Mulheres
  • História de um Casamento
  • 1917
  • Era Uma Vez Em... Hollywood
  • Parasita


MELHOR ATOR
  • Antonio Banderas - Dor e Glória
  • Leoardo DiCaprio - Era Uma Vez em... Hollywood
  • Adam Driver - História de um Casamento
  • Joaquin Phoenix - Coringa
  • Jonathan Price - Dois Papas


MELHOR ATRIZ
  • Cythia Erivo - Harriet
  • Scarlett Johansson - História de um Casamento
  • Saoirse Ronan - Adoráveis Mulheres
  • Charlize Theron - O Escândalo
  • Renée Zellweger - Judy: Muito Além do Arco-Íris


MELHOR ATOR COADJUVANTE
  • Tom Hanks - Um Lindo Dia na Vizinhança
  • Anthony Hopkins - Dois Papas
  • Al Pacino - O Irlandês
  • Joe Pesci - O Irlandês
  • Brad Pitt - Era Uma Vez em... Hollywood


MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
  • Kathy Bathes - Richard Jewell
  • Laura Dern - História de Um Casamento
  • Scarlett Johansson - JoJo Rabbit
  • Florence Pugh - Adoráveis Mulheres
  • Margot Robbie - O Escândalo


MELHOR ANIMAÇÃO
  • Como Treinar Seu Dragão 3
  • I Lost My Body
  • Klaus
  • Elo Perdido
  • Toy Story 4


MELHOR FOTOGRAFIA
  • O Irlandês
  • Coringa
  • O Farol
  • 1917
  • Era Uma Vez em... Hollywood


MELHOR FIGURINO
  • O Irlandês
  • JoJo Rabbit
  • Coringa
  • Adoráveis Mulheres
  • Era Uma Vez em... Hollywood


MELHOR DIRETOR
  • Martin Scorsese - O Irlandês
  • Todd Phillips - Coringa
  • Sam Mendes - 1917
  • Quentin Tarantino - Era Uma Vez em... Hollywood
  • Bong Joon Ho - Parasita


MELHOR DOCUMENTÁRIO
  • American Factory
  • The Cave
  • The Edge of Democracy
  • For Sama
  • Honeyland


MELHOR DOCUMENTÁRIO EM CURTA METRAGEM
  • In The Absense
  • Learning to Skateboard In a Warzone (If You're A Girl)
  • Life Overtakes Me
  • St. Louis Superman
  • Walk Run Cha-Cha


MELHOR EDIÇÃO
  • Ford vs Ferrari
  • O Irlandês
  • JoJo Rabbit
  • Coringa
  • Parasita


MELHOR FILME EM LÍNGUA ESTRANGEIRA
  • Corpus Christi
  • Honeyland
  • Os Miseráveis
  • Dor e Glória
  • Parasita


MELHOR CABELO E MAQUIAGEM
  • O Escândalo
  • Coringa
  • Judy
  • Malévola - Dona do Mal
  • 1917


MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL
  • Coringa
  • Adoráveis Mulheres
  • História de um Casamento
  • 1917
  • Star Wars: A Ascensão Skywalker


MELHOR CANÇÃO ORIGINAL
  • Toy Story 4 - "I Can't Let You Throw Yourself Away"
  • Rocketman - "(I'm Gonna) Love Me Again"
  • Superação: O Milagre da Fé - "I'm Standing With You"
  • Frozen II - "Into The Unknown"
  • Harriet - "Stand Up"


MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO
  • O Irlandês
  • JoJo Rabbit
  • Coringa
  • Adoráveis Mulheres
  • Era um Vez em... Hollywood


MELHOR CURTA ANIMADO
  • DCERA (Daughter)
  • Hair Love
  • Kitbull
  • Memorable
  • Sister


MELHOR CURTA METRAGEM
  • Brotherhood
  • Nefta Football Club
  • The Neighbors' Window
  • Saria
  • A Sister


MELHOR EDIÇÃO DE SOM
  • Ford vs Ferrari
  • Coringa
  • 1917
  • Era uma Vez em... Hollywood
  • Star Wars: A Ascensão Skywalker


MELHOR MIXAGEM DE SOM
  • Ad Astra
  • Ford Vs Ferrari
  • Coringa
  • 1917
  • Era uma Vez em... Hollywood


MELHORES EFEITOS VISUAIS
  • Vingadores: Ultimato
  • O Irlandês
  • O Rei Leão
  • 1917
  • Star Wars: A Ascensão Skywalker


MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
  • O Irlandês
  • JoJo Rabbit
  • Coringa
  • Adoráveis Mulheres
  • Dois Papas


MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
  • Entre Facas e Segredos
  • História de um Casamento
  • 1917
  • Era Uma Vez em... Hollywood
  • Parasita

SONIC - O FILME | Sonic detona armas de Robotnik em novo clipe


Falta pouco mais de uma semana para a estreia de ‘SONIC – O Filme’ nos cinemas e para acalmar um pouco os fãs ansiosos, a Paramount Pictures divulgou um novo clipe com cena do filme. No material, Sonic detona armas do Dr. Robotnik (Jim Carrey) enviadas para destruir ele e seu novo amigo Tom Wachowski (James Marsden).  ASSISTA AQUI.


‘SONIC – O Filme’ é uma aventura live-action baseada na franquia mundial de vídeo game da Sega que conta a história do ouriço azul mais famoso do mundo. O longa segue as aventuras de Sonic enquanto ele tenta se adaptar à nova vida na Terra com seu novo melhor amigo humano, o policial Tom Wachowski (James Marsden). Sonic e Tom unem forças para tentar impedir que o vilão Dr. Robotnik (Jim Carrey) capture Sonic e use seus poderes para dominar a humanidade.

Dirigido por Jeff Fowler, escrito por Pat Casey e Josh Miller, e produzido por Tim Miller (Deadpool) e Neal H. Moritz (Velozes e Furiosos), além de Toby Ascher, Toru Nakahara, Takeshi Ito, Hajime Satomi, Haruki Satomi, Masanao Maeda e Nan Morales, o filme traz no elenco Jim Carrey, James Marsden, Tika Sumpter e Ben Schwartz, como a voz do Sonic, que no Brasil será dublado por Manolo Rey.

‘SONIC – O Filme’ estreia nos cinemas do Brasil em 13 de fevereiro

Press-release: Paramount Pictures (via e-mail)

VIÚVA NEGRA | Cartazes irados de personagens são revelados

A Marvel Studios lançou novos cartazes de personagens de Viúva Negra,  com destaque para Florence Pugh, Scarlett Johansson, Rachel Weisz e David Harbour.

O filme é dirigido por Cate Shortland,

Entra em cartaz em 30 de abril de 2020.

Confira:





Fonte: Disney (via e-mail).

MULAN | Novo trailer acaba de sair do forno, confira!

A disney acaba de lançar o novo trailer de Mulan, live-action inspirado na animação homônima de 1998, dirigido por Niki Caro e estrelado por Yifei Liu, Donnie Yen, Jet Li e grande elenco.

Entra em cartaz em 26 de março de 2020.

Confira:


Fonte: Disney (via e-mail).

VIÚVA NEGRA | Novo trailer é divulgado

Confira abaixo o novo trailer de Viúva Negra,  filme de Cate Shortland, estrelado por  Florence Pugh, Scarlett Johansson, Robert Downey Jr., Rachel Weisz e David Harbour.

Entra em cartaz em 30 de abril de 2020.


Fonte: Marvel Studios (via e-mail).

BAFTA 2020 | Confira os vencedores do Oscar Britânico


Conheça os vencedores do BAFTA 2020. Os British Academy Film Awards ou BAFTA Film Awards é uma premiação anual concedida pela Academia Britânica de Cinema e Televisão (BAFTA) para homenagear as melhores contribuições britânicas e internacionais para o cinema. (Wikipedia)

Os vencedores estão destacados em vermelho.

Confira:

Melhor Filme

  • 1917 
  • O Irlandês
  • Joker
  • Era uma vez em... Hollywood
  • Parasita


Melhor Atriz

  • Jessie Buckley, Wild Rose
  • Scarlett Johansson, História de um Casamento
  • Saoirse Ronan, Adoráveis Mulheres
  • Charlize Theron, Bombshell
  • Renée Zellweger, Judy


Melhor Ator

  • Leonardo DiCaprio, Era uma vez em... Hollywood
  • Adam Driver, História de um Casamento
  • Taron Egerton, Rocketman
  • Joaquin Phoenix, Coringa
  • Jonathan Pryce, Dois Papas


Melhor atriz coadjuvante

  • Laura Dern, História de um Casamento
  • Scarlett Johansson, Jojo Rabbit
  • Florence Pugh, Adoráveis Mulheres
  • Margot Robbie, Bombshell
  • Margot Robbie, Era uma vez em... Hollywood


Melhor ator coadjuvante

  • Tom Hanks, A Beautiful Day In The Neighborhood
  • Anthony Hopkins, Dois Papas
  • Al Pacino, O Irlandês
  • Joe Pesci, O Irlandês
  • Brad Pitt, Era uma vez em... Hollywood


Melhor Filme Britânico

  • 1917
  • Bait
  • For Sama
  • Rocketman
  • Sorry We Missed You
  • Dois Papas


Melhor estreia de um roteirista, diretor ou produtor britânico

  • Mark Jenkin, Kate Byers, Linn Waite, Bait
  • Waad Al-Kateab, Edward Watts, For Sama
  • Alex Holmes, Maiden
  • Harry Wootliff, Only You
  • Álvaro Delgado-Aparicio, Retablo


Melhor Filme de língua não inglesa

  • The Farewell
  • For Sama
  • Pain And Glory
  • Parasita
  • Portrait Of A Lady On Fire


Melhor Documentário

  • American Factory
  • Apollo 11
  • Diego Maradona
  • For Sama
  • The Great Hack


Melhor Animação

  • Frozen 2
  • Klaus
  • A Shaun The Sheep Movie: Farmageddon
  • Toy Story 4


Melhor Diretor

  • Sam Mendes, 1917
  • Martin Scorsese, O Irlandês
  • Todd Phillips, Coringa
  • Quentin Tarantino, Era uma vez em... Hollywood
  • Bong Joon Ho, Parasita


Melhor roteiro original

  • Susanna Fogel, Emily Halpern, Sarah Haskins, Katie Silberman, Booksmart
  • Rian Johnson, Knives Out
  • Noah Baumbach, História de um Casamento
  • Quentin Tarantino, Era uma vez em... Hollywood
  • Han Jin Won, Bong Joon-Ho, Parasita


Melhor roteiro adaptado

  • Steven Zaillian, O Irlandês
  • Taika Waititi, Jojo Rabbit
  • Todd Phillips, Scott Silver, Coringa
  • Greta Gerwig, Adoráveis Mulheres
  • Anthony McCarten, Dois Papas


Melhor trilha sonora original

  • Thomas Newman, 1917
  • Michael Giacchino, Jojo Rabbit
  • Hildur Guđnadóttir, Coringa
  • Alexandre Desplat, Adoráveis Mulheres
  • John Williams, Star Wars: A Ascensão Skywalker


Melhor elenco

  • Shayna Markowitz, Coringa
  • Douglas Aibel, Francine Maisler, História de um Casamento
  • Victoria Thomas, Era uma vez em... Hollywood
  • Sarah Crowe, The Personal History Of David Copperfield
  • Nina Gold, Dois Papas


Melhor fotografia

  • Roger Deakins, 1917
  • Rodrigo Prieto, O Irlandês
  • Lawrence Sher, Coringa
  • Phedon Papamichael, Le Mans '66
  • Jarin Blaschke, The Lighthouse


Melhor edição

  • Thelma Schoonmaker, O Irlandês
  • Tom Eagles, Jojo Rabbit
  • Jeff Groth, Coringa
  • Andrew Buckland, Michael Mccusker, Ford Vs. Ferrari
  • Fred Raskin, Era uma vez em... Hollywood


Melhor direção de arte

  • Dennis Gassner, Lee Sandales, 1917
  • Bob Shaw, Regina Graves, O Irlandês
  • Ra Vincent, Nora Sopková, Jojo Rabbit
  • Mark Friedberg, Kris Moran, Coringa
  • Barbara Ling, Nancy Haigh, Era uma vez em... Hollywood


Melhor figurino

  • Christopher Peterson, Sandy Powell, O Irlandês
  • Mayes C. Rubeo, Jojo Rabbit
  • Jany Temimem, Judy
  • Jacqueline Durran, Adoráveis Mulheres
  • Arianne Phillips, Era uma vez em... Hollywood


Melhor cabelo e maquiagem

  • Naomi Donne, 1917
  • Vivian Baker, Kazu Hiro, Anne Morgan, O Escândalo
  • Kay Georgiou, Nicki Ledermann, Coringa
  • Jeremy Woodhead, Judy
  • Lizzie Yianni Georgiou, Rocketman


Melhor mixagem de som

  • Scott Millan, Oliver Tarney, Rachael Tate, Mark Taylor, Stuart Wilson, 1917
  • Tod Maitland, Alan Robert Murray, Tom Ozanich, Dean Zupancic, Coringa
  • David Giammarco, Paul Massey, Steven A. Morrow, Donald Sylvester, Le Mans '66
  • Matthew Collinge, John Hayes, Mike Prestwood Smith, Danny Sheehan, Rocketman
  • David Acord, Andy Nelson, Christopher Scarabosio, Stuart Wilson, Matthew Wood, Star Wars: A ascensão de Skywalker


Melhores efeitos visuais

  • Greg Butler, Guillaume Rocheron, Dominic Tuohy, 1917
  • Dan Deleeuw, Dan Sudick, Avengers: Ultimato
  • Leandro Estebecorena, Stephane Grabli, Pablo Helman, O Irlandês
  • Andrew R. Jones, Robert Legato, Elliot Newman, Adam Valdez, O Rei Leão
  • Roger Guyett, Paul Kavanagh, Neal Scanlan, Dominic Tuohy, Star Wars: A ascensão de Skywalker


Melhor curta-metragem britânico de animação

  • Maryam Mohajer, Grandad Was A Romantic
  • Kathrin Steinbacher, In Her Boots
  • Naaman Azhari, Lilia Laurel, The Magic Boat


Melhor curta-metragem britânico

  • Myriam Raja, Nathanael Baring, Azaar
  • Hector Dockrill, Harri Kamalanathan, Benedict Turnbull, Laura Dockrill, Goldfish
  • Sasha Rainbow, Rosalind Croad, Kamali
  • Carol Dysinger, Elena Andreicheva, Learning To Skateboard In A Warzone (If You're A Girl)
  • Lena Headey, Anthony Fitzgerald, The Trap


Estrela em ascensão

  • Awkwafina
  • Jack Lowden
  • Kaitlyn Dever
  • Kelvin Harrison Jr.
  • Micheal Ward


O BAFT 2020 acontece no dia 2 de fevereiro, em Londres.

CRÍTICA [STREAMING] | Ragnarok (Primeira Temporada), por Marlo George


Todos saúdem Odin! Série finlandesa da Netflix entra na grade do serviço trazendo versão interessante e politizada sobre os mitos nórdicos

Não dê ouvidos àqueles que, possivelmente, irão se referir à Ragnarok como uma série que mescla mitologia nórdica com a Saga Crepúsculo. Eu não sei se já estão dizendo isso, mas se ocorrer, e a possibilidade é bem grande de que isso ocorra, deixe entrar por um ouvido e sair pelo outro, por tratar-se de impressão apressada, ingênua e pouco atenta.

Ragnarok, série criada pelo veterano produtor finlandês Adam Price que acaba de ser disponibilizada na Netflix (versões legendada e dublada), passa longe de ser uma cópia barata do romance que trata única e exclusivamente da indecisão de uma jovem em entregar-se à um vampiro que brilha no claro ou ao seu rival lupino seminu. A série traz uma trama inteligente, política e se sustenta na busca de um rapaz disléxico para provar que uma industria química vem afetando o meio-ambiente da cidade onde mora, incentivado inicialmente por uma ativista juvenil de sua classe.

Seria um plot bem ordinário, não fosse o fato de que, no meio dessa jornada do herói, ele acabe descobrindo que foi agraciado com os poderes do Deus do Trovão, Thor, e que seus inimigos são nada mais, nada menos que os Gigantes do mito nórdico.


O roteiro é assinado por Simen Alsvik, Emilie Lebech Kaae, Christian Gamst Miller-Harris, Marietta von Hausswolff von Baumgarten e Jacob Katz Hansen. A trama é inteligente e bem amarrada, porém os episódios 04 e 05, assinados por Alsvik e Kaae, são bem arrastadinhos, com várias cenas dispensáveis e que parecem ficar girando em torno da história já contada e não a desenvolvem. Os demais são realmente muito bem escritos, salvo os diálogos que são, de modo geral, nada ousados ou espertos.


Muitas, MUITAS referências

Tudo se passa na cidade fictícia de Edda (referência, aos Eddas, nome dado a textos antigos da tradição escandinava), onde está ocorrendo mudanças climáticas que estão afetando a paisagem e a vida dos cidadãos. O povo Eddanense é passivo quanto à questão por ser em sua maioria formado por empregados ou beneficiados pela principal suspeita de provocar tais variações de clima: A industria Jutul. Apenas uma voz era levantada contra a empresa, a voz da adolescente ativista Isolde (nome possivelmente referente à Princesa Irlandesa Isolda, da lenda de Tristão). Atuando in loco e na internet através de um canal no Youtube, não logra muito êxito em sua atividade, sendo motivo de chacota de seus colegas de colégio. Até então os Jutul, donos da industria e moradores da maior mansão da cidade, Jutulheim (outra referência, desta vez ao nome do mundo dos gigantes da mitologia nórdica, Jotumheim). Mas ela não ficaria sozinha por muito tempo, pois com a chegada de Magne a garota ganhou um amigo e apoiador em suas iniciativas ecológicas.

Magne chegou na cidade na companhia de seu irmão, Laurits, e o modo como as personagens foram desenhados em muito remetem à versões teen de Thor e Loki do Universo Cinematográfico MarvelLaurits então é o Loki esculpido em carrara. Crédito do ator Jonas Strand Gravli que conseguiu captar os trejeitos e olhares de Tom Hiddleston sem parecer caricato.A intensão de fazê-los parecerem com os personagens da Marvel Studios é óbvia.


Como não pretendo entregar spoilers, não irei me aprofundar na trama, mas Ragnarok traz outras referências e easter-eggs, como nomes de personagens como Hilde, que se refere à Valquíria mitológica, e citações à personagens reais como Greta Thumberg e Joseph Campbell.

Quem curte e conhece mitologia ou é antenado com o que rola na cultura pop e no noticiário político vai pegar várias destas referências.


Barato, mas satisfaz

Não encontrei quanto custou produzir Ragnarok, mas basta um olhar mais atento para sacar que a série não foi muito cara, pelo menos esta primeira temporada. Mas o custo, possivelmente baixo, não atrapalhou a produção que recorreu a locações belas e de tirar o fôlego. Os efeitos visuais não impressionam, mas não são ruins ou toscos. A atração não traz nenhuma grande estrela nórdica, mas tem um elenco interessante e que manda muito bem. Em especial o protagonista, David Stakston, que segundo nosso crítico Andreas Cesar, soube representar muito bem um paciente disléxico.

São seis episódios nesta primeira temporada e eu já estou ansioso para assistir o próximo.

Como deu pra notar, essa crítica não pode ser de qualquer produção que, mesmo levemente, lembre Crepúsculo. Não é?



Marlo George assistiu, escreveu e vem recebendo em sua torneira água tão suja no RJ quanto os Eddaenses lá no Norte da Europa. Já estou me sentindo chique

PARA TODOS OS GAROTOS | Assista ao trailer final



Assista ao trailer final de Para Todos os Garotos: P.S. Ainda Amo Você, filme que estreia globalmente na Netflix em 12 de fevereiro de 2020.

Confira o trailer neste link.

Sinopse: É um novo ano. Lara Jean (Lana Condor) e Peter (Noah Centineo) finalmente pararam de fingir que são um casal e se tornaram um casal DE VERDADE! E em meio às novas descobertas com Peter – o primeiro beijo de verdade, o primeiro encontro de verdade ou o primeiro Dia dos Namorados –, Lara Jean pode contar com Kitty (Anna Cathcart), Margot (Janel Parrish), Chris (Madeleine Arthur) e uma nova e inesperada confidente, Stormy (Holland Taylor), para entender melhor essa nova fase da vida em que precisa conciliar o namoro e a busca pela própria identidade. E para complicar ainda mais as coisas, um outro destinatário de suas cartas reaparece e Lara Jean terá que enfrentar seu primeiro grande dilema: é possível amar dois garotos ao mesmo tempo?

Estrelado por Lana Condor, Noah Centineo, Jordan Fisher, Anna Cathcart, Janel Parrish, John Corbett, Sarayu Blue, Ross Butler, Madeleine Arthur, Emilija Baranc, Trezzo Mahoro e Holland Taylor

Baseado em P.S. ainda amo você, o bestseller para jovens adultos #1 da lista de mais vendidos do New York Times.

Press-release: Netflix (via e-mail).