Crítica Cinema,

CRÍTICA [CINEMA] | "O Que Será de Nozes? 3D", por Kal J. Moon

18:29 Kal J. Moon 0 Comments

É difícil dizer o que ocorre com a indústria da animação nos tempos modernos.

Ninguém sabe ao certo o motivo mas desde que a tecnologia avançou a ponto de conseguir "enganar" satisfatoriamente os olhos dos espectadores a ponto de entretê-los, ficou difícil ir ao cinema assistir uma animação sem torcer o nariz pelo menos uma vez.

Parece que quando decidiram tirar a mão do animador e passar o processo às máquinas, tudo desandou e talvez não tenha mais volta, salvas raríssimas exceções.

O longa de animação "O Que Será de Nozes", dirigido por Peter Lepeniotis (de Toy Story 2 e Dinossauro), é um exemplo disso.

Temos personagens belamente construídos - mesmo que alguns pareçam saídos de outras animações como "Putz! A Coisa Tá Feia!", "Os Sem-Floresta" ou mesmo o clássico "Os Incríveis" -, cenários impecáveis, direção de fotografia esperta que usa e abusa de ângulos ousados servindo de forma dinâmica à história...
Mas, mesmo tendo esse conjunto vitorioso supracitado, a trama entregue por Lorne Cameron (de Os Sem-Floresta e Irmão Urso) & Daniel Woo (de The Beet Party) é tão rasa e obvia que nem mesmo a mais devotada das crianças suportará o fim da exibição.



Curiosamente, temos uma fábula moderna sobre sobrevivência e amparo ao próximo que flerta fortemente com a política pois vemos um recém-revelado vilão preferindo arriscar a saúde de seus companheiros a perder o posto de comando. Paralelamente, temos um time de ladrões que pretendem roubar um banco e colocar nozes nos sacos para que ninguém desconfie. Só que os animais do parque querem as nozes pois - assim como em Game of Thrones - o inverno está chegando e os suprimentos, que já eram poucos, foram dizimados por culpa de Max, esquilo esperto que, ao lado do rato Mano, pretende roubar as nozes dos ladrões de banco.

Infelizmente, o que poderia ser uma deliciosa comédia de erros, ao estilo de clássicos da animação, se perde em hercúleas e desesperadas tentativas para arrancar risadas com piadas de pum e arroto ou mesmo gags visuais batidas pelo repetido uso em diversos outros desenhos. E até mesmo uma cena ao som de "Gangnam Style", do fenômeno coreano PSY, que aparece em versão animada durante os créditos, ao lado dos personagens.

Faltou a "alopração" de "Madagascar" ou mesmo daquele Pica-pau de pernas roliças.

E se a criança ao seu lado disser que esse filme não teve nada de engraçado, acredite. Afinal, ela entende do assunto...


Kal J. Moon sempre achou que o interior das nozes eram os cérebros das árvores...


Sinopse: Quando o teimoso esquilo Max é expulso de um parque na cidade grande, ele precisa encontrar outras maneiras de sobreviver. Mas o lugar dos seus sonhos está mais perto do que ele imagina: trata-se de Maury's Nut Store, uma loja repleta de nozes, castanhas e amêndoas. Max reúne seus amigos e bola um plano para invadir o lugar e roubar toda a comida para suportar o inverno congelante que vem por aí.Tudo parece dar errado para ele e sua turma, e de fato, dará. Mas o que resta é esperar para ver se Max vai conseguir alimento para passar o forte inverno ou se fará seus amigos morrerem de fome.

Direção: Peter Lepeniotis
Roteiro: Lorne Cameron & Daniel Woo
Data de Lançamento: 14/08/2014
Cena pós-crédito: Sim! Duas!
Distribuição: Play Arte
Elenco nacional (dublagem): Max: ALEXANDRE MARCONNATO, Gray: RODRIGO ARAUJO, Andie: MARCIA REGINA, Racum: SERGIO MARCHETTI, King: Zeca, Bobby: MAURO CASTRO, Lucky: LUIZ ANTONIO, Pérola: ROSELY, Zezo: PAULO PORTO

0 comentários: