Crítica Cinema,

CRÍTICA [CINEMA] | "Garota Exemplar", por Marlo George.

14:03 Marlo George 0 Comments

Traição, obsessão, fama, infâmia, amor e ódio são os temperos principais do novo filme do diretor David Fincher. "Garota Exemplar". O diretor, conhecido por dirigir videoclipes memoráveis e clássicos do cinema moderno, nos brinda desta vez com mais um longa intrigante e imprevisível, que conta a história da, peculiar, família Dunne.

Nick Dunne (Ben Affleck) é um escritor frustrado que vive às custas da mulher, a famosa Amy, cujos pais são os autores da série de livros infantis "A Incrível Amy", que são inspirados na infância e adolescência de sua quase perfeita filha. O casal vem passando por uma crise, quando de repente Amy é dada como desaparecida. À partir deste ponto começa o calvário de Nick, que em busca de sua mulher, se vê enredado em uma arapuca armada pela imprensa marrom estadunidense.


Como se trata de mais uma obra prima de David Fincher, o mesmo diretor de "Seven: Os Sete Crimes Capitais", "Clube da Luta" e "O Curioso Caso de Benjamin Button", não poderíamos esperar nada além de um longa metragem tenso, instigante e com altas doses de ironia. "Garota Exemplar" tem todas estas características, além de ser crítico à forma como os casos policiais são irresponsavelmente tratados pelos veículos de comunicação. Não bastasse o tormento de David por não saber o paradeiro de Amy e ser o principal suspeito por seu sumiço, o camarada ainda é taxado de sarcástico, incestuoso e hediondo pela âncora de um programa de TV de grande audiência, Ellen Abbott, que é interpretada pela ótima (e mal aproveitada) Missi Pyle. Abott representa, de forma alegórica, tudo que há de mais pernicioso na imprensa. Ela tem atitudes muito parecidas com a de alguns apresentadores de programas de TV, do tipo "mundo cão", que temos no Brasil, que ao invés de informar de forma imparcial os fatos ocorridos, tendem a tratar como condenados meros suspeitos, prestando um desserviço à sociedade.


Ben Affleck, que fez uma preparação física para compor o personagem. está muito acima da média de seus trabalhos anteriores. O ator, que quase sempre me desagrada, desta vez me surpreendeu com uma atuação desafetada, algo raro em seu currículo. Rosamund Pike, que vive Amy, também está muito bem no papel de mulher fútil, mimada e que corrobora a máxima "cabeça vazia, oficina do diabo". A dupla funcionou muito bem, demonstrando a excelente direção de atores Fincheriana.

"Mais uma obra prima de David Fincher"

Uma referência incrível do filme é a execução da canção "Lady Double Dealer" da obscura banda suíça Krokus, que funciona como uma espécie de biografia musical do relacionamento de David e Amy. Não sei se foi o caso, mas consigo imaginar o roteirista Gillian Flynn, que também é o autor do livro no qual o filme é baseado, ouvindo esta canção enquanto escrevia a história de amor estranha do casal.

Se curte o trabalho de Fincher ou um filme de suspense interessante. "Garota Exemplar" é a pedida do fim de semana.


Marlo George assistiu, escreveu e curtiu assistir mais uma busca de Ben Affleck por uma garota chamada Amy. Só os fortes entenderão....





Data de lançamento: 2 de outubro de 2014
Estúdio: 20th Century Fox 
Diretor: David Fincher 
Roteiro: Gillian Flynn 
Elenco: Ben Affleck, Rosamund Pike, Neil Patrick Harris, Tyler Perry, Kim Dickens, Patrick Fugit, Carrie Coon, David Clennon, Missi Pyle
Gênero: Drama, Suspense 

Sinopse: Dirigido por David Fincher e baseado no best-seller de Gillian Flynn, Garota Exemplar desenterra os segredos de um casamento, quando, no quinto aniversário da união, Nick Dunne (Ben Affleck) reporta que sua linda mulher Amy (Rosamund Pike) está desaparecida. Sob pressão da polícia e um crescente interesse da imprensa sobre o caso, o casamento aparentemente perfeito de Nick começa a desmoronar. Suas mentiras, fingimentos e comportamento duvidoso começam a fazer todos começarem a se perguntar: será que Nick Dunne matou sua mulher?

0 comentários: