A Lenda de Oz,

CRÍTICA [CINEMA] | "A Lenda de Oz", por Kal J. Moon

18:00 Kal J. Moon 0 Comments

Quando algum novo longa-metragem de animação chega aos cinemas, a grande maioria das críticas dá-se em relação ao enredo e as técnicas utilizadas com o intuito de contar a história, personagens carismáticos, dentre outros detalhes.

Mas existe quem se esquece de levar em conta à que público-alvo esta animação se destina. E "A Lenda de Oz", dirigido por Will Finn & Dan St. Pierre, foi feito para um público bem mais novo e isso não pode ser esquecido em momento algum.

Curiosamente, este longa é uma continuação de uma animação que não chegou ao Brasil e que adaptou a mais conhecida história de Dorothy e companhia.

Porém, isso não atrapalha a compreensão da trama, que diverte de forma simples e objetiva, numa clássica jornada para resolução de alguma tragédia iminente.


Este longa animado está antenado com as tendências atuais e algumas canções são parte intrínseca da trama, a exemplo do sucesso da Disney, "Frozen".

As canções - compostas originalmente por Bryan Adams - são interpretadas, em sua maioria, na versão brasileira por Manu Gavassi - que também dubla a protagonista Dorothy. Gavassi mostra segurança e afinação, evoluindo o trabalho que iniciou em "Valente", da Disney / Pixar.

A dublagem tem velhos conhecidos como Mauro Ramos e Miriam Ficher, dentre outros, que sempre abrilhantam o produto. E isso não justifica que o vilão seja dublado pelo ator global Rodrigo Lombardi, que parece nitidamente tomar por base as entonações e nuances do trabalho do veterano dublador Guilherme Briggs. Não precisava...

Falando no vilão - que é um bufão que não consegue tirar a fantasia e a maquiagem por conta de um feitiço conjurado por sua irmã -, em dados momentos lembra MUITO o personagem Coringa, arquiinimigo do Batman. Tanto que numa das cenas a maquiagem aparece borrada como a versão imortalizada pelo saudoso Heath Ledger no filme "Batman - O Cavaleiro das Trevas".

Mesmo assim, isso não deve ser considerado uma falha do roteiro de Randi Barnes & Adam Balsam pois dentro do contexto apresentado funciona. Se esse é o preço a ser pago para que a nova geração conheça um clássico da literatura mundial, que seja!

Detalhe importante: os créditos de dublagem, destacando TODOS os dubladores - aparecem em letras garrafais logo na abertura. Talvez seja a primeira vez que isso aconteça e é uma importante vitória para o reconhecimento desses importantes profissionais.

O visual colorido atrai e dá até para imaginar produtos relacionados à venda.
A criançada vai adorar!


Kal J. Moon sempre anda por estradas de tijolos cor de... bem, deixa pra !



Data de estreia: 09/10/2014
Direção: Will Finn & Dan St. Pierre
Roteiro: Randi Barnes & Adam Balsam (baseado no livro "Dorothy of Oz", de Roger S. Baum)
Elenco (dublagem): Manu Gavassi, Rodrigo Lombardi, Mauro Ramos, Miriam Ficher e grande elenco
Distribuição: Paris Filmes

Sinopse: Um novo mundo está prestes a ser descoberto. Dorohty precisa voltar a OZ para ajudar seus amigos, nessa nova aventura onde um monte de desafios e novos personagens à espera.

0 comentários: