728x90 AdSpace

  • Nerd News

    quarta-feira, 15 de março de 2017

    CRÍTICA [CINEMA] | "O Novato", por Marlo George


    Ator francês tem sua primeira experiência por trás das câmeras e retrata as primeiras experiências de um pré-adolescente em "O Novato"

    Rudi Rosenberg é um ator francês com certa bagagem e que agora arrisca seu primeiro trabalho como diretor, levando às telonas uma história que ele mesmo escreveu. O Novato, o longa em questão, está desembarcando no Brasil, com certo atraso, mas é interessante que esteja entrando em cartaz, pois oferece a oportunidade de o público brasileiro assistir um filme independente francês sobre um tema curriqueiro, mas que sempre rende bons filmes: A pré-adolescência.

    O Novato é gostoso de assistir por ser honesto. Digo até que este é o adjetivo mais justo para a produção como um todo. O diretor ousou ao confiar o filme à um elenco inexperiente e mostrou domínio ao dirigir atores tão jovens. Esse é um trunfo do longa, uma vez que, apesar dos meninos e meninas do cast estarem agindo como eles mesmos, ao mesmo tempo estão atuando. É visível isso. O resultado obtido é maior do que o esperado, levando-se em consideração que trata-se de um filme de debut.

    O roteiro, escrito com a colaboração de Igor Gotesman e Bruno Muschio, é bem escrito e não traz muitas reviravoltas. Conta a história de um menino que se muda para Paris e que não consegue se enturmar. Ele sofre nas mãos dos garotos populares, se apaixona, acaba se juntando à uma galera nada convencional, mas bacana, da escola e, principalmente, encara os problemas com a imaturidade que lhe é peculiar na sua idade. A vida de Benoit, o protagonista, lembra muito a história de cada um de nós e, certamente, muita gente vai se identificar com esse garotinho francês bem intencionado e que só quer levar a vida sem maiores complicações.


    O elenco, como já disse, é inexperiente. O Novato foi o primeiro trabalho de Réphaël Ghrenassia, que vive Benoit, e de seus colegas Joshua RaccahJohanna LindstedtGuillaume Cloud-Roussel, que interpretam a turma do colégio. A exceção é Géraldine Martineau, uma atriz de 22 anos, experiente, que vive a deficiente física Aglaée. Martineau tem uma aparência bem infantil e se misturou bem ao grupo de Benoit. Ela é responsável por uma cena, de conotação sexual, muito divertida ao lado de Cloud-Roussel.

    Totalmente filmado em locações, tem fotografia competente e a montagem é bem enxuta, o que deixou o longa fluído. Rudi Rosenberg entregou um filme independente esperto, que deveria ser assistido pelos mais jovens, já que passa longe das intrigas ridículas das novelas teen brasileiras e mexicanas que algumas emissoras insistem em veicular e que não fazem muito a cabeça da "galera".



    Marlo George assistiu, escreveu e nunca ofereceu bom-bom em troca de amizade.
    • Comente no site
    • Comente no Facebook

    0 comentários:

    Postar um comentário

    Item Reviewed: CRÍTICA [CINEMA] | "O Novato", por Marlo George Rating: 5 Reviewed By: Marlo George
    Scroll to Top