American Idiot,

CRÍTICA [MÚSICA] | Kerrang!'s American Idiot, por Andreas Cesar.

11:48 Andreas César 0 Comments

Devo dizer que sempre fui fã de Green Day, mesmo tendo criticado ¡UNO!¡DOS! e ¡TRÉ! como discos razoáveis, então é claro que quando soube que iam fazer um cover do álbum mais cultuado, e meu preferido, da banda, com vários artistas, logo quis ouvir. Contudo, meu ânimo se desfez quando soube que ele era da revista Kerrang! e principalmente, quando soube que 5 Second to Summer faria parte do projeto.

É complicado você falar bem de uma proposta de covers de algo que você ama, quando as músicas foram completamente deturpadas. Poucas delas se mostraram fieis às versões originais, e todas as que não eram, eram piores. Não apenas por serem feitas por bandas pop que não tem nada a ver com o clima do álbum, mas sim porque elas não deram o devido respeito a obra.

E digo isso porque você cantar qualquer uma das músicas como "St. Jimmy", "Extraordinary Girl" ou "Give Me Novacaine" com vozes melancólicas, não dá respeito as músicas.

O que mais me incomoda com tudo é o fato de nenhum dos bateristas ou baixistas se igualarem ao Tré Cool ou ao Mike Dirnt, e o fato de quem tem bandas muito melhores que fariam covers muito melhores que os apresentados. Mostrando assim, que as bandas que estão populares atualmente não possuem o talento que deveriam ter.

A Kerrang! teve uma proposta que é uma falha até mesmo no papel, quando colocaram Bowling For Soup, Frank Iero e The Blackout no projeto. Mas, sem dúvida Frank Iero foi o que conseguiu estragar mais a música, transformando Extraordinary Love numa música estranha. O The Defiled teria ganho a competição de pior cover, mas Frank foi pior por pouco.

É complicado falar de Whatsername, a música foi ruim, mas é minha preferida do disco, portanto fica difícil comparar com as outras, porque sem dúvida seria a pior pelo sentimento que sinto pela original. Mas, a parte final da canção é o pior de todo o disco, passa um sentimento muito bobo em comparação ao que o Green Day traz.

Contudo, nem tudo foi perdido, apesar da voz estar estranha, Jesus of Suburbia teve sua música honrada pela banda Rise to Remain, assim como Homecoming, pela Lonely The Brave, que fez o melhor cover do álbum sem dúvida. O que é bem engraçado, porque são as músicas que eu achei que ficariam as piores, não pelas bandas, mas pela forma que o Green Day tocou no disco original.

Já a parte Dookie, um outro álbum que teve dois covers bônus, eu curti versão de Welcome to Paradise, a banda Lonely The Brave fez um cover maneiro. Já a outra, Basket Case, eu não curto nem a original, mas, mantendo-se fiel ao Green Day eu acho que a banda The Sweller foi correta.

Enfim, o melhor a fazer é ouvir o disco American Idiot, da banda Green Day, e não os covers. Boa tentativa Kerrang!, mas as músicas ruins são um número maior que as boas, e colocar o Dookie pra tentar melhorar o álbum não contou pra mim.


Andreas Cesar achou ridículo o que a banda Falling in Reverse fez.

0 comentários: