Batman Vs. Superman: A Origem da Justiça,

[LISTAS PP] | Filmes DC Comics: Do PIOR ao MELHOR

14:38 Marlo George 0 Comments


Por Marlo George

O novo filme do Universo Cinematográfico da Warner e DC Comics acaba de ser lançado: Mulher Maravilha. Nossa crítica já está no ar e você pode conferi-la neste link.

Mas como sou um geek, e nada é mais geek que listas disso ou daquilo, abaixo segue minha lista dos filmes da DC Comics, do pior ao melhor, com uma breve exposição de motivos.

Como a lista passa longe da opinião do restante da galera, já tirei meu bat-escudo (você sabe muito bem que não é de lá donde cê tá pensando), pois eu sei que lá vem pedrada.


4º LUGAR - ESQUADRÃO SUICIDA (2016)
Custo estimado: $175.000.000 (fonte: IMDb)


Acredito que 9 entre 10 DCnautas concordam que o filme de David Ayer é de longe o pior filme da franquia. Esquadrão Suicida sofreu alterações durante a pós-produção que mudaram o tom sombrio inicial para um pegada glam horrorosa e que nada tem a ver com a proposta da Força Tarefa X dos quadrinhos. Além disso, o longa não tem pé nem cabeça, com muitas cenas gratuitas e que não desenvolvem a trama. Isso se deu, especialmente, pela decisão de "suavizar" o filme para audiências imaturas. Inicialmente, por exemplo, o Capitão Bumerangue seria um machista violento, o Slipknot um estuprador e a Arlequina seria vítima de abusos por parte do Coringa. Todas as cenas em que tais comportamentos eram mostrados foram sumariamente cortadas.

O que me causa espanto é que, se não tivessem mexido tanto no filme e deixado Ayer fazer o filme que ele queria fazer desde o princípio, Esquadrão Suicida teria tudo para ser o melhor filme da DC. Vale lembrar que Ayer é roteirista de Dia de Treinamento, um dos melhores filmes da década passada.

Não vou nem citar a participação de Jared Leto como Coringa, tamanha a cagada que foi aquilo...

Leia também: Crítica - Esquadrão Suicida


3º LUGAR - MULHER MARAVILHA (2017)
Custo estimado: $120.000.000 (fonte: IMDb)


De grata surpresa em Batman Vs. Superman: A Origem da Justiça (BvS) à decepção em seu filme solo, Mulher Maravilha, da diretora Patty Jenkins, tem trama previsível, advinda de seu viés genérico. O primeiro filme de Diana Prince nas telonas marca a rendição da Warner e DC ao modelo Disney/Marvel e apresenta uma trama manjada, com vilões inexpressivos, recheada de piadas sem graça (apenas uma passa) e boas ideias mal aproveitadas, ou seja, tudo aquilo que já se tornou tradição nos últimos filmes da Casa das Ideias, pelo menos desde Vingadores: Era de Ultron.

Gal Gadot, apesar da boa apresentação em BvS, mostrou-se inepta de protagonizar um blockbuster do tamanho de um filme DC. Gadot é uma atriz regular e, neste filme em particular, prefere pagar de modelo ao invés de atuar. A cena dela desviando de balas enquanto "desfila" em um campo de batalha é constrangedora. Ela é bonita (lógico, foi Miss Israel em 2004), mas nem de longe se parece com a personagem da Detective Comics. Nós do Poltrona Pop já falamos sobre isso, neste vídeo, e nesta outra lista.

É o filme mais barato da franquia e isso fica escancarado nos figurinos, cenários e no trabalho de pós-produção como um todo (efeitos especiais, edição e montagem). Mas não foi a falta de dinheiro que comprometeu o longa. Foi a falta de um roteiro melhor.


2º LUGAR - O HOMEM DE AÇO (2013)
Custo estimado: $225.000.000 (fonte: IMDb)


Fiquei dividido entre O Homem de Aço e Mulher Maravilha. Não estava claro em minha mente qual deveria figurar nas terceira e segunda posições.

O que faria um melhor que o outro?

Ambos são filmes ruins, com problemas semelhantes, mas o que determinou o primeiro filme da franquia na segunda posição foi a apresentação da personagem. Enquanto em Mulher Maravilha temos uma introdução ao universo daquela personagem mal desenvolvida, em O Homem de Aço temos uma apresentação digna do herói kryptoniano. Vimos Kal-El aprendendo a lidar com as facilidades e problemas advindos de seus dons especiais. Doutrinando-se com seus mentores, galáctico e terrestre, Jor-El e Jonathan Kent, respectivamente, que criaram um background profundo para Kal/Clark. Mas, o mais legal, pudemos vê-lo se tornando o homem que ele deveria ser. Em Mulher Maravilha tudo isso ficou muito jogado.

Não gosto de O Homem de Aço, mas desgosto dele menos que dos outros.

Leia também: Crítica - O Homem de Aço


1º LUGAR - BATMAN VS. SUPERMAN: A ORIGEM DA JUSTIÇA (2016)
Custo estimado: $250.000.000 (fonte: IMDb)


Na época do lançamento de BvS eu escrevi (e fiz um vídeo) com críticas positivas ao filme. Se quiser saber mais sobre o que acho da produção leia a crítica neste link e assista o vídeo neste outro.

Porém, preciso reafirmar minha predileção por BvS, porque cada vez que eu re-assisto o longa, mais eu o curto. Este é, sem dúvidas, o filme mais injustiçado desta década. Até mais que Prometheus, de Ridley Scott, outro longa que sofre horrores por não ter sido compreendido. Talvez, ambos sejam inteligentes demais e não foram alcançados por parte do público. Especialmente aquele que não lê HQ´s. É um filme à prova de posers.

Ousado, BvS tem a proeza de transitar livremente entre a realidade dura de filmes mais realistas como a Trilogia O Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan e aventuras fanfarronas e irreais como as de Esquadrão Suicida e Mulher Maravilha. A união coesa do real e fantástico faz desse filme uma lição para jovens roteiristas.

Até hoje me comovo com vários diálogos e conceitos mostrados no longa. Uma pena que este é o filme certo, lançado no momento errado. Acredito que com o tempo, e a maturação da audiência, esse filme seja, futuramente, melhor avaliado.


EXPECTATIVAS PARA OS PRÓXIMOS LANÇAMENTOS

Abaixo falo um pouco do que acho sobre os filmes vindouros da franquia Warner/DC Comics.

LIGA DA JUSTIÇA (2017)

Novembro está chegando e com o ele Liga da Justiça. Não gosto do material promocional lançado até o momento. Detestei o Flash e seu jeitão adolescente abobalhado nos trailers. O que mais me chamou a atenção, positivamente, foi o Ciborgue. Não a armadura que ficou ridícula, mas o ator. Aposto minhas fichas que ele será a cereja do bolo do filme. Ainda mais se sua sub-trama for baseada e trouxer easter-eggs da origem do personagem do gibi dos Titãs que saiu aqui no Brasil nos anos 80, de George Perez e Marv Wolfman. Expectativa baixa.

AQUAMAN (2018)

Gosto do diretor James Wan e de Jason Momoa. Virá na mesma pegada dos quadrinhos do Geoff Johns e Ivan Reis, do reboot Os Novos 52, e por isso tem tudo para me agradar. Expectativa é alta.

ESQUADRÃO SUICIDA 2 (2019)

Se não for cancelado antes, e for mesmo dirigido por Mel Gibson, pode ser uma boa aposta. Mas a interferência dos produtores pode comprometer, novamente, o resultado, especialmente se Gibson pegar pesado como de costume, e rechear o longa com seus conceitos de vida deveras questionáveis. Expectativa? Nenhuma.

TROPA DOS LANTERNAS VERDES (2020)

O primeiro filme do Lanterna Verde, aquele do Ryan Reynolds, é um absurdo. Isso é público, notório e já foi zoado em filme da Marvel. Porém, as animações baseadas no universo do personagem criado por Bill Finger e Martin Nodell rendem algumas horas de diversão e mostram, definitivamente, que a tropa tem potencial para render um bom longa. Tomara que o roteirista tenha a serenidade necessária para se basear no arco dos quadrinhos certo para escrever sua versão.

Eu indico "A Guerra dos Anéis", de Geoff Johns e Dave Gibbons, com traço de Ivan Reis, Patrick Gleason e Ethan Van Sciver.

Expectativa alta.

THE FLASH (2020)

Não gostei da escalação de Ezra Miller (que é um bom ator, preciso dizer) e muito menos do que ele apresentou nos trailers. Não é o Flash que eu queria. Expectativa no chão.

LIGA DA JUSTIÇA 2 (????)

Anunciado, mas sem maiores informações no momento, vai depender do sucesso do primeiro filme.

SHAZAM (2019) & ADÃO NEGRO (????)

Dwayne "The Rock" Johnson! Só basta isso! Ele é o cara! Lógico que a expectativa é altíssima! Ainda mais sendo filme do Shazam (ex-Capitão Marvel). Estou louco pra saber o que o The Rock está cozinhando...

LIGA DA JUSTIÇA SOMBRIA (????)

Se for bem feito, vai ser massa!!!! Expectativa é alta.

OBS.: Existem outros filmes anunciados, mas não existem maiores informações, confiáveis, e por isso ficaram de fora.

Marlo George escreveu e é, possivelmente, o único homem na Terra que lamenta a saída de Zack Snyder dos filmes da DC.

0 comentários: